O trabalho remoto e o home office são dois novos regimes laborais adotados por muitas empresas e esses modelos apresentam diferenças entre si.

Você sabe qual a diferença entre o trabalho remoto e o home office? Em uma análise inicial, esses conceitos podem ser parecidos. No entanto, eles têm diferenças. Nesse contexto é fundamental ter um entendimento aprofundado sobre esses conceitos para que seja possível a escolha do modelo ideal de trabalho para o seu negócio.

Pensando na importância deste tema, neste conteúdo queremos que seja o trabalho remoto e home office. Além disso, destacaremos sobre as principais diferenças entre o trabalho remoto e home office, e abordaremos o modelo ideal para cada empresa. Boa leitura.

Também conhecido como teletrabalho, o trabalho remoto faz referência ao desenvolvimento de atividades profissionais à distância por meio da utilização da tecnologia com o objetivo de realizar tarefas pelas quais foram atribuídas e também se conectar com os profissionais.

Diante desse cenário, muitos colaboradores optaram por desenvolver um escritório domiciliar ou trabalhar em um coworking. Podemos dizer, portanto, que ambos os locais se transformaram numa estação de trabalho

Muitas empresas e colaboradores têm optado pelo trabalho remoto. Essa questão acontece por conta da cidade e da economia de recursos. Os funcionários vão economizar gastos relacionados ao transporte, pois não vão precisar deslocar-se todos os dias para ir até o trabalho.

As empresas, por sua vez, têm menos despesas relacionadas ao funcionamento, pois vão gastar menos com energia e também não vão precisar contar com uma ampla estrutura física.

Vale ressaltar ainda que o trabalho remoto possibilita a flexibilização dos horários de trabalho. Essa característica contribui para melhorar o bem-estar dos colaboradores e otimizar a produtividade das empresas. 

O que é o escritório em casa?

Trata-se de um termo originário da língua inglesa e, traduzindo para o nosso idioma, significa “escritório em casa”. Dessa forma, podemos dizer que o home office consiste no fato de cada funcionário ter uma estrutura própria na sua residência para realizar as atividades profissionais. 

A demanda por home office tem crescido no mercado. Atualmente, candidatos buscam por empresas que contratam em home office. Ainda há empresas que buscam funcionários de outras regiões que planejam se organizar para prestarem os serviços.

Para que não haja nenhum regime de home office, é necessário ter organização e responsabilidade nos trabalhos. Além disso, os colaboradores e a empresa devem ter uma boa comunicação para que ambas as partes possam entender sobre seus papéis e candidatos melhores trabalhos. 

Quais as diferenças entre trabalho remoto e home office?

O trabalho remoto está relacionado com as atividades profissionais exercidas por um prestador de serviço à distância. Desse modo, o funcionário não está usando o ambiente de trabalho oferecido pela empresa. Com isso, esse tipo de trabalho pode ser feito de qualquer lugar. Pode incluir, por exemplo, em casa, em coworking, em outra cidade etc. Por outro lado, trabalhar em home office significa executar as atividades em casa e também em tempo integral.

Quais são as vantagens e desvantagens do trabalho remoto?

O trabalho remoto é capaz de proporcionar diversos benefícios para as empresas e também ao trabalhador. Primeiramente, as associações vão reduzir despesas à manutenção da estrutura física. Além disso, elas vão se beneficiar pelo fato de os profissionais se tornarem mais produtivos.

Os colaboradores também se beneficiam desse processo, pois passam a trabalhar onde procuram e no ritmo em que se sentem mais produtivos. Com isso, podemos dizer que o trabalho remoto oferece mais flexibilidade aos trabalhadores.

Por outro lado, muitas empresas e funcionários não se adaptaram totalmente a esse novo cenário. Isso porque, no trabalho remoto existe uma comunicação mais eficiente entre empresas e funcionários para que se obtenham bons resultados. 

Quais as vantagens e desvantagens do home office?

Assim como o trabalho remoto, o regime de home office ajuda as empresas e funcionários a reduzirem custos. Além disso, os colaboradores serão mais produtivos, o que contribui para o crescimento empresarial.

Por outro lado, trabalhar no ambiente doméstico pode gerar diferentes distrações. Entre elas estão as atividades domésticas, o cuidado com as crianças pequenas, o som alto do vizinho etc. 

Vale ressaltar ainda que alguns profissionais que trabalham em casa se isolaram dos amigos e colegas de trabalho. Essa questão pode gerar problemas na saúde mental, como ansiedade e depressão. 

Qual o modelo ideal para cada empresa?

Diante das diferenças que apresentamos há pouco conteúdo, a escolha do modelo ideal depende de diferentes fatores. Dessa forma, podemos dizer que não há uma resposta exata sobre qual modelo de trabalho ideal para cada empresa.

Por isso, é melhor fazer uma análise sobre o que faz sentido para sua empresa a cada momento. Esse processo analítico pode parecer trabalhoso, no entanto, vai ajudar uma organização a escolher o modelo de trabalho que melhor atende às suas necessidades.

Em geral, podemos dizer que a escolha do modelo de trabalho de alvará varia conforme o ramo de atividade de cada empresa, o porte de cada organização e o tempo de atividade de um negócio no mercado.

Como é possível perceber, existem diversos modelos de trabalho e é necessário compreender sobre as principais características de cada um para que seja possível fazer uma boa escolha para sua empresa. Desse modo, procuramos abordar para você dois modelos de trabalho pertinente no contexto atual para te ajudar a tomar a melhor decisão possível. 

Este conteúdo no qual abordamos sobre as principais diferenças entre o trabalho remoto e o home-office foi útil para você? Compartilhe este post para os seus amigos nas redes sociais e permita que mais pessoas tenham conhecimento em relação ao tema.

new-logo-alternative

Copyright © 2021 Placehub